Pesquise nesse blog:

O PROFISSIONAL

O Profissional (Léon, no original) é um filme francês de 1994, dirigido por Luc Besson e estrelado por Jean Reno, Natalie Portman e Gary Oldman
Um assassino profissional chamado León conhece Matilda, uma garota de onze anos de idade e que vive com a sua família "problemática": O seu pai é envolvido no tráfico de drogas, sua madrasta é uma prostituta e sua irmã a trata com muita violência. Seu irmãozinho mais novo, que tem quatro anos de idade, é sua única companhia. Quando a família da garota é assassinada, Matilda é a única sobrevivente e tenta convencer León a ensinar-lhe seu "ofício" para que ela possa vingar a morte do irmão. Ele lhe ensina o básico de um matador profissional, desde a limpeza das armas, até seu primeiro tiro. León mata um dos policiais envolvidos na morte da família de Matilda, desencadeando em uma perseguição enfurecida dos colegas desse suposto policial. Este matador profissional arrisca sua vida numa tentativa de escapar de uma cilada, salvando Matilda.
Um dos meus filmes favoritos, perfeita a atuação da estreante Natalie Portman, pois foi seu primeiro filme em papel principal, com apenas treze anos de idade, isso ao lado de atores do porte de Gary Oldman , Jean Reno e Danny Aiello. \,,/

BARON ROJO

Do fundo do baú, Barón Rojo em uma apresentação num programa de Tv.
No mínimo hilário o apresentador, e para quê os ''dançarinos'', hauhauhahua, só nos anos 80 mesmo, mas a banda é sensacional, com certeza não precisariam de playback (engraçado que o programa coloca a legenda PLAYBACK), mas Tv é Tv, divirtam-se... afinal : LOS ROCKEROS VAN AL INFIERNO \,,/
A banda Barón Rojo foi formada em 1980 pelos irmãos De Castro, Armando (voz, guitarra) e Carlos (guitarra, voz).
O line up ficou completo com José Luis "Sherpa" Campuzano (baixo e voz) e Hermes Calabria (bateria).
Este line-up manteve-se até 1989, sendo hj em dia o line-up clássico.
Depois a banda continuou com os irmãos De Castro e com várias mudanças de line up, sem voltar a atingir o sucesso dos primeiros albuns.
Apesar de tudo levam 29 anos ininterruptos e são a maior referência do heavy metal espanhol.

PLANETA HULK - DESENHO ANIMADO

O desenho é baseado na HQ homônima escrita por Greg Pak e publicada na revista Incredible Hulk 92 a 105, de 2006 (no Brasil, saiu pela Panini em Universo Marvel 27 a 34).
A história conta como o Gigante Esmeralda foi exilado da Terra pelo grupo Illuminati (Homem de Ferro, Raio Negro, Professor Xavier, Senhor Fantástico e Namor, este último contrário à decisão) e foi parar no planeta arena de Sakaar, onde se tornou um gladiador imbatível e, mais tarde, monarca. 
Planet Hulk foi lançado com grande estardalhaço pela Marvel. Anunciado na San Diego Comic Con em julho de 2008, o desenho ganhou uma premiére no dia 14 de janeiro, com patrocínio da New York Comic Con e do site Newsarama, e presença do staff da Marvel (inclusive o roteirista Greg Pak) e da Lionsgate.
As mudanças do roteiro em relação ao gibi são pequenas, por exemplo, uma das lutas principais no desenho, Hulk luta contra Bill Raio Beta, e não com o Surfista Prateado, como é no hq, mas mesmo com essa mudança de personagens o desenho não perde nem um pouco a emoção.
Em resumo, ótima diversão, e como sempre .... HULK ESMAGAAAAAAAAAAA !!!!!!!!!!!!!!!!!! 

E com vocês: Os Seminovos!

Eu tava devendo um post dessa banda.
Comentei várias vezes com os meninos sobre as músicas de Os Seminovos mas não cheguei a colocar nada aqui.
Essa banda mineira criou-se em 2005. A hitória da banda é tão irreverente quanto suas músicas.
Formanda nos primordios pelo chargista - ou é cartunista? - Maurício Ricardo (criador do
Charges.com), Neto Castanheira e Alex Mororó que fizeram uma paródia sobre o tema do mensalão. A música virou hit na net, então o trio resolveu assumir de vez o trabalho musical. Mais 2 componentes se uniram e o trio virou por fim a banda Os Seminovos.
Com letras bem humoradas e um rock bem elaborado a banda tem distaque no meu mp3, mp4 e adjacentes.

Deixo 2 videozinhos.
O primeiro é pra ressaltar o orgulho nerd e o outro é pro afixionados por Star Wars e a pedido do Jeffão.






FANBOYS

Um dos filme mais nerds do universo, sensacional as refêrencias à Star Wars, e ainda mais com as ilustríssimas aparições de nada mais nada menos que o ator Billy Dee Willians (Lando Calrissian), Carrie Fisher (princesa Léia) e Ray Park (Darth Maul).
Um excelente filme, que em alguns momentos satiriza o filme (argh) ''Star Trek'' e seus fãs, confesso que eu particularmente adorei esses momentos. \_o_
Único ponto negativo do filme : a ausência da aparição de George Lucas, seria fantástico ver o mestre, mas nem tudo é perfeito, enfim um filme a ser visto por fãs de Star Wars !!!!!!!!!

Na trama do filme, ambientada em 1998, quatro fãs de Star Wars atravessam os EUA para roubar uma cópia de Episódio I: A ameaça fantasma do Rancho Skywalker para que seu amigo doente possa assisti-la antes de morrer.
Sam Huntington (o Jimmy Olsen de Superman - O retorno), Kristen Bell (Veronica Mars), Jay Baruchel (o moleque metido a boxeador que é surrado em Menina de ouro), Dan Fogler (vencedor do Tony pela montagem na Broadway de The 25th Annual Putnam County Spelling Bee) e Chris Marquette (Freddy vs. Jason, Um show de vizinha) integram o elenco.
O filme tem roteiro de Adam F. Goldberg e Ernest Cline e direção do estreante Kyle Newman, também co-roteirista.

HOMENAGEM AO IMORTAL RONNIE JAMES DIO .

Sensacional a homenagem feita ao grande mestre Ronnie James Dio que morreu no dia 16 de maio deste ano, em consequência de um câncer no estômago.
Foi erigido na cidade costeira de Kavarna, que fica na Búlgaria um monumento em homenagem ao lendário vocalista.
A estátua terá 1,5 metros de altura e contará com grandes pedras retiradas do mar . O monumento será colocado no parque  central da cidade, como parte do logo a ser construído o "Walk of Rock", um projeto aprovado pela Câmara Municipal há quatro anos.
Os artistas por trás do projeto são os escultores Alexander Petrov e Krasimir Krastev .
Dio teria sido um dos primeiros cantores de rock a tocar em Kavarna e ajudou ativamente em uma campanha social.
Fica aí uma grande homenagem à um grande homem, não somente pelo que fez ao mundo do rock e do heavy metal, mas pelo ser humano fantástico que foi e continua sendo através de suas canções à seus milhares de fãs, incluindo esse que vos fala. \,,/





fonte: http://whiplash.net/materias/news_859/115812-dio.html

NIGHTMARE

Nightmare (em japonês: ナイトメア Naitomea?) é uma banda japonesa de Visual Kei. A banda iniciou sua história em 2000 pelos integrantes Sakito e Hitsugi enquanto cursavam o colegial. Após um tempo Yomi (atual Vocalista) foi convidado por Sakito para participar como vocal e sucessivamente seus amigos de escola Ni~ya (Baixista) e Zannin (primeiro bateirista da banda) também ingressaram para a banda. Logo depois que a banda começou a ser conhecida em casas de shows. Zannin deixou a banda por razões desconhecidas e logo depois Ruka vira o baterista temporário, até que eles achem um outro. Mas depois, Ruka vira o baterista permamente da banda (até hoje). A banda tem fortes influências de bandas como Luna Sea e X Japan. The World e Alumina são sucessos que tocaram no tema de abertura e encerramento do anime Death Note.
Logo, logo postaremos matéria sobre o excelente  anime DEATH NOTE...

fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Nightmare

APOKÉLYPSE ?????HAUHAUAHUAHUAHAUHAUA !!!!!!!!!!!!!!!!!!

THE MISFITS

Revolução dos bichos - George Orwel

Confesso que não sou fã de leitura, prefiro os filmes, contudo este livro que li na faculdade vale a pena ser citado aqui.
A história se passa na fazenda Granja do Solar, onde os animais insatisfeitos com a forma que são tratados resolvem tomar o poder da granja e instaurar um governo dos animais feito para os animais - isso me lembra alguma coisa, política talvez? "Do povo e para o povo", vamos voltar ao livro.

Após expulsarem o dono da fazenda, se faz necessário uma organização em sociedade, para que não morrão de fome, afinal não há mais que lhes traga a ração. Os porcos tomam a frente com idéias e discursos inflamados.

O tempo vai passando e as hierarquias vão aparecendo, 2 porcos se distacam (Napoleão e Bola de Neve) por suas idéias, 1 sempre contrário ao outro.

Napoleão com mais eloquencia concegue manipular os demais bichos e expulsa Bola de Neve da fazenda.

O que era democrático passa a ser ditatorial. Os ideais da revolução vão se apagando com o tempo ou sendo modificados e moldados como melhor convêm aos governantes. Os animais mais velhos começam a sentir falta de como era antes, os mais novos não conhecem outra forma de vida.

Com Napoleão no poder os animais trabalham mais e comem menos, descaçam menos.

Os porcos assumem a casa antes habitada pelo dono da fazenda, já não vivem mais no seleiro com os animais, passam a usar roupas e andar sobre 2 patas.


O livro vai narrando a relação de poder e ambição.

Não sei exatamente o ano, se em 2000 ou 2001, foi escrito um novo livro que conta a versão do exilado Bola de Neve, não tive a oportunidade de ler ou conversar com alguém que tenha lido.

Mas essa é minha dica, nesses tempos atuais, vale a pena fazer uma reflexão de como lidamos com o poder quando ele é imposto para nós e como agiriamos se estivessemos do outro lado.



CEMETARY MAN

Sensacional produção italiana , o filme conta a história de Francesco Dellamorte o zelador de um cemitério aonde os mortos que são enterrados voltam à vida depois de sete dias.
Sua rotina é enterrar, e esperá-los voltarem à vida e estourar seus miolos e enterrá-los novamente.
Mas sua "tranquilidade" se abala ao apaixonar-se por uma jovem viúva que vai todos os dias visitar o túmulo do marido, e a coisa se agrava quando um acidente envolvendo uma gang de motoqueiros e um ônibus cheio de freiras e escoteiros termina em um enterro coletivo, que significa muitos zumbis no sétimo dia..
Muito surrealismo, principalmente por parte de seu ''escudeiro'' Gnaghi que se apaixona pela cabeça da filha morta do prefeito, e a conversa de Francesco com a própria morte.
Um excelente filme de horror para fãs do gênero, é tosco mas maravilhoso, zumbis, violência, muito sangue e personagens sensacionais com muito humor-negro como nos melhores do estilo. Muito legal \,,/

A pintura hiper-realista de Alyssa Monks

Não tem como expressar em palavras os trabalhos dessa artista plástica norte americana, tamanho a grandeza e riqueza de detalhes que chegam enganar nossos olhos e demais percepções.
Ao visualisarmos seus trabalhos temos a impressão que trata-se de fotografias, mas de fato são pinturas hiper-realistas em óleo sobre tela.
Monks já recebeu 3 vezes o título “Grant for Painting“, considerado um dos maiores prêmios do mundo em reconhecimento a arte na pintura, entregue pela instituição julgadora “Elizabeth Greensheilds Foundation“.
Monks trabalha e explora a figuração narrativa. Atualmente, ela está jogando com a tensão entre a abstração e o realismo na mesma obra, usando filtros diferentes para afetar visualmente e desintegrar o corpo. Neste espaço raso pintado, o assunto é empurrado contra o nosso espaço real com pulsante vibrações da cor que pode fazer um corpo pintado parecer ter bombeamento do sangue através dela. Pinceladas de tinta espessa, suculentos nas relações de cores delicadas é empurrado e puxado no lugar de imitar vidro, vapor, água e carne criam uma narrativa na superfície pintada. O resultado destas pinceladas é um realismo e um confronto das tensões entre a mortalidade e a vitalidade. Esforçar-se para a exatidão anatômica e realista, é a sua intenção de transmitir uma visão impressionante que obriga o espectador a sentir a sua própria humanidade. É intencional Monks relacionar visualmente a experiência contemporânea do sexo feminino com sensibilidade, empatia e integridade. Alyssa atualmente vive e trabalha no Brooklyn, NY.


SUPER HERO SPIRITS - ESQUADRÃO RELÂMPAGO.... CHANGEMANNNNNNN !!!!!!!!!!!!!

 

Haato ni hi ga tsukuze, moeagaruze
Jaaku no gozuma wo catch shitaze
Miteminu furinante dekinai no sa
Chikai no we're changeman ai ga chikara

Niji ga ukabu nageki no sora ni
Oretachi no messeeji

Oh! yes! shouri he no tatakai
Ai kotoba wa hitotsu
Oh change change change
Oh! yes! kono ude de mirai wo

Ore wa oretachi wa
Dengeki sentai changeman

Namida wo kanjiruze sakeunderuze
Yasashii kokoro ni konde yukuze
Senaka wo muketari wa dekinai no sa
Yuuki no we're changeman ai wo daite

Hoshi ga hikaru muhou no muchi ni
Oretachi no seremonii

Oh! yes! owarinaki tatakai
Ima inochi wo kakete
Oh change! change! change!
Oh! yes! yakusoku no mirai wo

Ore wa oretachi wa
Dengeki sentai changeman

Oh! yes! shouri he no tatakai
Ai kotoba wa hitotsu
Oh change change change
Oh! yes! kono ude de mirai wo

Ore wa oretachi wa
Dengeki sentai changeman
Dengeki sentai changeman

VOLARE KARAOKÊ , HUAUHAUHAUHAUAAU!!!!!!!!

Elvis Trooper Cube Craft

Como sou fãnzaço de STAR WARS e do REI resolvi postar essa idéia sensacional, o ELVIS STORMTROOPER em papercraft.
Agora todos podem ter sua própria figura de ação Elvis Trooper, basta acessar o blog

http://wwwstartuga.blogspot.com/2009/10/cubeecraft-do-elvis-trooper.html

O autor disponiblizou em jpg para que possamos montar nós mesmos, basta clicar nas imagens, imprimir, recortar,  montar e colar, muito legal crianças !!!
Enquanto isso, ouçam essa cançao de Neil Diamond na poderosa voz do eterno rei ELVIS PRESLEY, hehe...divirtam-se!!!!!!!!



Quanto tempo poderia Luke sobreviver em um Tauntaun?

Todos os Jedis sabem que a melhor maneira de sobreviver à uma tempestade de neve está no conforto do interior de uma barriga de um Tauntaun, de preferência um que estiver bem próximo. Para isso, basta cortar a barriga do bicho com seu sabre de luz (óbvio se o bicho ja estiver morto pelo frio!!!!???), com um único corte horizontal os intestinos ja aparecerão contorcendo para fora, sendo assim empurre os intestinos que estão se contorcendo de lado, e rasteje para dentro do quente e confortável abdômen do seu Tauntaun. Mas quanto tempo você pode sobreviver em um Tauntaun?

Realísticamente,  a temperatura  abaixo de zero do ambiente hostil de Hoth, não é um bom lugar para se viver, a menos que você seja um Tauntaum ou um Wampa. E é importante lembrar que Luke Skywalker não tinha necessidade de sobreviver no seu Tauntaun durante a noite, ele simplesmente precisava de um lugar quente para ficar até Han ter tempo de construir um abrigo adequado. Assim, a questão poderia ser melhor ; em quanto tempo Han tem que construir um abrigo de neve para não deixar Luke em sérios apuros, tipo morrer ?????

Em um ambiente normal, uma carcaça esfria-se em 8 a 36 horas, perdendo uma média de 1,6 graus Fahrenheit por hora. No entanto, o mundo gelado de Hoth não é um ambiente digamos ''normal''. Nas listas de banco de dados de Star Wars define que Hoth atinge temperaturas noturnas de -60 C. Nesse ambiente hostil abaixo de zero, pode-se perder quase 32 vezes mais rápido
o calor do corpo do que em condições normais. Isso significa que o calor do corpo de um Tauntaun pode cair quase 51,2 F a cada hora. Considerando que o Tauntaun morreu de hipotermia grave, mesmo antes de ter sido aberto com o sabre de luz de Luke, pode-se supor que a temperatura corporal já estava bem abaixo do normal. O problema para Luke é se a temperatura do corpo do Tauntaun atingir ponto de congelamento : já pensou, intestinos, sangue e gosma alienígena variados tornando-se seu caixão congelado !!! Se o Tauntaun morreu de parada cardíaca devido à hipotermia, com uma temperatura corporal média de 75 º F (23 C), e se o sangue Tauntaun congela a 28,4 F (-2 C), Han tem cerca de 56 minutos para criar um abrigo antes que Luke perca sua vida, numa morte nada agradável diga-se.

Tente dormir em um Tauntaun, seja um Luke Skywalker....principalmente se ele for da Think Geek, que oferece um saco de dormir Tauntaun, com peles Tauntaun simulados e zíper de pelúcia sabre de luz.
É eu também ia querer, rsrsrsrrs.




É eu não ia querer, mas afinal é para isso que serve os amigos !!!!!!!!!!

Que orgulho!!

Nosso pequeno Gusano está crescendo. Já estamos no Google!
Gostaria de agradecer aos meus companheiros blogueiros (Jeffão e Paulo Kon-el) pelo bom trabalho que vêem desenvolvendo. Agradecer também a todos que acessam, a gente faz esse trabalho de escrever por prazer, é claro, mas pra compartilhar com outros nerds, geeks ou aficcionas por séries, livros e cultura de um modo geral.

Obrigada pelos varios acessos.

Eu to me sentindo tão orgulhosa de já ter nosso espacinho no Google.

Gusano de Gafas Nerd. Somos nós, que lindo!

MiMiMiMiMiMiMiiiiiiiii......

Bom dia galera, até ontem eu estava meio chateado,(what a hell o Gusano nao aparecia no google pesquisar tal ????), muitas perguntas, poucas respostas, como sou ansioso ao extremo, acordei cedo, fui ler meus emails, pesquisar, enfim digitei no google GUSANO DE GAFAS NERD....tchanãmmmmmmm, lá estava o pequeno vermezinho, foi um momento solitário mas sensacional, pode parecer piegas mas fiquei muito orgulhoso deste que vos fala e de meus gusanitos (senõrita FAINE e o filho de Krypton PAULO KON-EL), foi aí que achei um videozinho que com muitas palavras diz como estávamos nos sentindo, rsrsrsrs , o GUSANO amanhã estará com duas semanas de vida e rumo aos 8.000 acessos, nada mal para um pequeno vermezinho que está amadurecendo...obrigado à todos que acessam, estejam sempre à vontade...e que a força estejam com vocês.       NERD POWER TOTAL !!!!!!!!! \,,/

Thundercats hooo!


Os Thundercats são dos mesmos criadores de Silver Hawks. Mesmo estudio de animação, mesmo tudo. Ambos os desenhos foram exibidos na década de 80, sendo Os Thundercats tendo sua primeira aparição na tv em 85 e Silver Hawks em 86.

A saga dos felinos começa quando o seu planeta natal Thundera é invadido pelos mutantes e destruido por esses. Muitos hatitantes de Thundera tentaram fugir, porém nem todas as naves tiveram sucesso.

Os mutantes buscavam um bem muito valioso, a Espada Justicera que possuia no alto de sua impunhadura o Olho de Thandera que tudo vê.

Um grupo de sobreviventes chega a um novo planeta chamado Terceiro Planeta e fazem dali sua morada. Entretanto a nova casa não está livre do mal. O Thundercats tem como seu principal vilão o feiticeiro Muum Ha, que se alia a um grupo de mutantes - que persegue os felinos desde sua terra natal até o novo planeta - para a obtenção do Olho de Thundera.
A espada é utilizada sempre que necessária pelo Príncipe Lion, no grupo de sobreviventes também se encontram Cheetara, Tygra, Panthro, Wilikit,Wilikat e Snarf.
O desenho tem 130 episódios e exibido por 4 anos.
Reza a lenda que os estúdios Warner - detentores do Thundercats agora - está preparando uma nova série de desenhos com os felinos. Utilizando dos recursos gráficos e de computação que na década de 80 não existia. Algmas imagens de como seria o novo desenho já foram publicadas e segundos declaração que li em alguns sites especíalizados o propósito é agradar os antigos fãs e conquistar o público mais jovem que não assistiu a primeira versão.
Igualmente a nova série de desenho a lenda sobre o retorno dos Thundercats também inclui a produção de um filme. É esperar pra ver!
"Espada justiceira de-me a visão além do alcance!"


COMO FUNCIONA UM SABRE DE LUZ (LIGHTSABER).

Sabre de Luz (Lightsaber) é uma arma fictíca do universo Star Wars, sendo utilizada pelas duas mais importantes ordens da Galáxia: os Sith e os Jedi. Para os Jedi, o sabre de luz é uma forma de defesa e uma conexão com o mundo espiritual da Força, entretanto, para os Sith é forma de tortura física e arma de agressão.
O Sabre de luz (lightsaber) é uma unidade de geralmente 12" (30cm) de tamanho. Ele parece ter incluso sua própria fonte de energia que pode ser usada por um longo período de tempo sem precisar de recarga. Ele produz uma poderosa e cortante lâmina de mais de um metro de tamanhoque pode cortar QUASE tudo,quando corta alguém sua lâmina cauteriza a ferida sem deixar sair sangue, mas não sem uma resistência ( especialmente por materiais densos e condutivos - como a armadura de Darth Vader ). A maioria dos aprendizes PADAWAN constróem seus sabres com semelhança aos de seus mestres.A cor da lâmina é a cor do cristal interno,ou seja cristal vermelho lâmina vermelha.
Os cristais são achados em lugares desconhecidos.Não se sabe se funcionam dentro da água mais funcionam normalmente depois de sair dela com o sabre.Jamais a lâmina pressionada em algo faz a lâmina ir contra a culatra.Nunca nem mesmo em literatura o sabre falha ou falhou.Corta uma árvore deixando pequenos fogos.Não se tem informação se a lâmina for colocada na terra,como estaca.É capaz de absorver correntes elétricas.Mesmo caindo de alturas ele resiste.Não se tem informação de um carregador de sabres.Mais todos têm geralmente atrás do sabre um lugar de recarga.
Lightsabers parecem que são capazes de conservar sua carga de energia durante vários anos. Isto é uma coisa própria da tecnologia de Star Wars , sendo que tal poder possa ser gerado por um pequeno dispositivo ! O sabre de Anakin continua perfeitamente funcional após Obi-Wan tiralo do fundo do seu baú, provavelmente após 20 anos sem uso! Mais interessante, é que percebemos que os Lightsabres não são quentes ! Quando Luke deixa cair seu lightsabre num monte de neve na caverna do Wampa, ele não derrete a neve , ele apenas permanece lá, sem afundar. Entretanto a fonte de energia que ele usa não gera nenhum calor, o que contradiz nosso conhecimento terrestre de geradores. Se o gerador permanece desligado, então ele pode ser ligado tão rápido que nossos princípios de engenharia não podem compreender. A única outra possibilidade é que ele tenha uma pequena energia interna, cinética, ou um dispositivo de armazenamento (uma idéia suportada talvez pela referencia das células de energia - power cell). Se for isto, ela armazena uma IMENSA carga e pode se sustentar por décadas !

A Lâmina - Tentativa de descrever

 
Após a ativação, uma lâmina de energia se extende do dispositivo em uma linha por aproximadamente 3-4' (100+cm) ( Fonte de Star Wars Journal ). A lâmina é reta e opaca, com uma pequena aura. O centro tem aproximadamente 1" (2.5cm) de diametro. Um considerável número ed faixos sai do núcleo em todas as direções. Estes faixos "morrem" muito rápido, enquanto o sabre se move o que explica por que ele não é bom como uma fonte de iluminação. A lâmina parece ocupar bem mais espaço do que ela realmente ocupa devido a imagem fosforecente que fica no residuo da imagem no olho humano, quando da passagem rápida de um objeto luminoso.

: Em NENHUM tempo, os sabres permanecem com "metade" da lâmina, não importando quão rápido ou lento é sua ativação. Não existe nenhuma evidencia de uma lâmina ajustável nos 6 filmes. Apenas em literatura,ou seja a lâmina pode ser ajustada em tamanho ou largura..mas isso foi discutido na literatura STAR WARS.Em aguns filmes como EP 4,5,6 VADER usa o sabre virado para cima,ou seja a saida da lâmina está apontada para seu coração..uma mensagem subliminar talvez do inverso ,ou o mal ...já é uma arma poderosa de se portar imagine ao contrário.O lightsaber é preso no cinto por uma (argola ) que geralmente está no fundo ou na costas do sabre.No EP 1,2,3 o sabre de OBI-WAN possui um pequeno globo embaixo isso é uma bateria reserva.Um sabre corta o outro com facilidade mais não a lâmina de outro..,elas tb não se repelem ou misturam apenas permanecem fazendo pequenos barulhos.O sabre ligado produz um som alto,portando não é uma arma silênciosa.Quando a lâmina é colocada contra a resistência do ar ela tb produz sons.
Não existe um cristal mais forte que o outro para se construir um sabre,apenas cores diferentes do mesmo cristal.O sabre do DARTH MAUL possue 2 cristais internos por ter duas lâminas.Não se sabe tb se gastam mais energia.Apenas um toque com o dedo na lâmina ele é cortado como papel.
LUKE construiu o seu depois de ganhar o primeiro de OBI-WAN
os bons usam verde e azul,depois de um tempo SAMUEL j apareceu com um roxo ou "purple"
foi escolha do próprio ator....
Ligando - o modelo 'slide" & e o botão vermelho em TPM
Algumas descrições apócrifas dizem sobre um modelo que utiliza um selecionador interno que necessita o uso da Força - Telecinesi. Isto é pura especulação , mas não impossível, como veremos mais adiante. Outros como em TFM, vemos claramente o uso de um botão vermelho
Em algumas partes dos filmes, veremos alguns exemplos que revela alguns aspectos sobre a ativação do sabre:


Quando Kenobi morre, seu sabre está ligado, mas cai no chão desativado.
Quando o sabre de Luke é acertado, ele sai de sua mão ativo, mas chega ao solo desativado.
Quando Luke chama seu sabre para ele, ele é ativado antes que ele chegue em suas mãos !
Quando a mão de Luke é cortada, o sabre cai ativado, mas no meio do caminho ele é desligado.

Estes eventos podem nos mostrar coisas sobre os sabres :

Eles parecem ter um certo tipo de segurança, que desativa o sabre quando estão fora das mãos.
Um Jedi, por telecinesi, pode ativar o sabre, antes que ele alcanse sua mão e pode mante-lo ativo mesmo antes dele sair de suas mãos.

Skywalker ativa seu sabre

O sabre de Lord Vader voa pelo ar

Tempo de duração da ativação da Lâmina

A seguir, uma tabela de tempos de ativação e desativação vistos na trilogia. O tempo é medido em frames ( quadros ) do vídeo, e para isto, foi usado um modelo Panasonic NVSD445. Com uma excessão, apenas eventos visíveis foram analizados, não eventos audiveis.

Sabre de Vader
0 frames ON - Ben é ferido
0 frames OFF - perto da Falcon
0 frames OFF - perto da Falcon
0 frames ON - perto da Falcon
0 frames ON - Na caverna de neve
0 frames ON - na caverna em Dagobath (SlowMotion)
0 frames ON - em Bespin
16 frames ON - em Bespin
0 frames ON - em Bespin
Eventos Especiais:
sabre perdido - ainda ativo em voo - atinge o solo desligado.
sabre chamado para a mão - ativado durante o voo!
sabre ligado quando a mão é cortada - desativa em 0 frames após o ocorrido Luke's sabre:
5 frames ON - Floresta de Endor
7 frames ON - testado por Vader
8 frames OFF - testado por Vader
0 frames ON - Sala do Trono
6 frames OFF - Sala do Trono
0 frames ON - Sala do Trono
0 frames ON - Sala do Trono
8 frames OFF -Sala do Trono

Sabre de Kenobi
0 frames ON - na Cantina
18 frames ON - na Estrela da Morte
0 frames OFF - na Estrela da Morte

Como parece ser evidente nestas figuras, todas estas formas de sabre são capases de serem ativados instantaneamente. Todos, menos o de Kenobi são percebidos ligados/desligados em uma duração média de 5~8 frames ... uma significante fração de segundo - lenta bastante para ser definida como não imediata. (Esta velocidade é mais evidente em RoTJ - com o sabre verde de Luke.) Há também algumas raras ativações lentas, que demoram entre 16~20 frames - um segundo ou um pouco mais. Apenas no sabre de Luke não se percebe isto.

No trailer do Episode I, nos podemos ver uma variavel no tempo de ativação. Darth Maul ativa uma parte de seu sabre no exato momento em que disfere um golpe em Qui-Gon Jinn em Tatooine, mas gasta meio segundo ( ou mais ) ativando a segunda lâmina no confronto mais tarde, no angar de Naboo.

A Conclusão é que os sabres podem ser ativados ou desligados em uma variedade de tempos.
3 bandas de duração são vistas :

Instantanea (0 frames)
1/4~1/2 segundo (5-8 frames)
~ 1 segundo (16~20 frames)
Talvez um usuário cuidadoso, ao se aproximar de um inimigo se move com uma vagarosidade intencional, como fez Obi-Wan ao se confrontar com Vader na Estrela da Morte . Ele ativa seu sabre vagarosamente, uma atitude oposta ao confiante e arrogante Vader que já estava com sua arma ativada e postada de maneira casual. Em outro ponto, Obi-Wan ativou sua lâmina rapidamente, ao atacar um alienigena na cantina de Mos Eisley.


"Aquele que possuir um Sabre de Luz pode fazer coisas que não podem ser feitas com uma mera arma de fogo, Luke. Mas mais do que isto, um Sabre de Luz é disciplina para a mente e aprendizado para o corpo e espírito. É uma das formas pelas quais um Jedi se comunica com a Força" - Obi-Wan Kenobi para Luke Skywalker


fonte:livro star wars só sobre sabres

CAMPANHA !!!!! HUAHUAHUAUHUHAUHAUHAUHAHUAHUAUHAAA

GEORGE LUCAS

Não tem como falar de Star Wars, sem lembrar daquele que é o criador desta fantástica saga.
George Lucas (George Walton Lucas Jr) nasceu em Modesto, Califórnia, (Estados Unidos) em 14 de maio de 1944.
Cineasta formado pela University of South California, fez seu primeiro filme, THX-1138, ainda na universidade e recebeu ótimas críticas.
American Graffitti, foi o primeiro sucesso comercial, dando-lhe cacife para tocar o projeto dos seus sonhos.
STAR WARS nasceu porque ele queria trazer de volta aos cinemas a magia das matinês e dos seriados de aventuras como Flash Gordon. Para transformar suas fantasias em imagens, Lucas fundou a ILM (Industrial Light & Magic), empresa que, além de efeitos especiasis, criou muitas das ferramentas do cinema  moderno, como a edição nao linear (Edit Droid) e o sistema de som THX. A ILM popularizou a computaçao gráfica e foi também o embrião da PIXAR, que produz filmes de animação. Em 2002, Lucas voltou a revolucionar a indústria cinematográfica ao fazer O ATAQUE DOS CLONES só com câmeras digitais. Ele dirigiu quatro dos seis episódios de STAR WARS: Uma Nova Esperança,  A ameaça Fantasma, O Ataque dos Clones e a Vingança dos Sith. Como produtor, foi responsável pela série de Indiana Jones, Kagemusha- A Sombra do Samurai, Mishima-Uma Vida em Quatro Capítulos, Willow, Howard the Duck e Powwaqatsi.
  • Recebeu duas nomeações ao Oscar na categoria de Melhor Realizador e outras duas na categoria de Melhor Argumento Original, pelos filmes "American Graffiti" (1973) e "Star Wars Episode IV: A New Hope" (1977).
  • Recebeu duas nomeações ao Globo de Ouro, na categoria de Melhor Realizador, por "American Graffiti" (1973) e por "Star Wars Episode IV: A New Hope"(1977).
  • Ganhou o Leopardo de Bronze, no Festival de Locarno, por "American Graffiti" (1973).
  • Ganhou em 1992 o Prémio Irving G. Thalberg, da Academia de Hollywood.
'' Você tem que encontrar algo que você ame o suficiente para ser capaz de aceitar riscos, pular sobre os obstáculos e avançar sobre os muros que serão sempre colocados na sua frente. Se você não tem este tipo de sentimento por aquilo que está fazendo, você parará no primeiro grande obstáculo.''
                                                          - George Lucas

EVOLUTION !!!!!!!!!!

Christopher Reeve

O ator Christopher Reeve, que ficou célebre ao interpretar o papel de Super-Homem em quatro filmes, nasceu em 25 de setembro de 1952, em Nova York. Filho de um professor de inglês e de uma jornalista, Reeve era praticamente desconhecido quando foi escolhido entre 200 candidatos -incluindo Paul Newman, Robert Redford, Arnold Schwarzenegger e Charles Bronson- para o papel principal de "Superman" (1978), de Richard Donner.
O ator também participou de outras produções de sucesso como "Em Algum Lugar do Passado" (1980), de Jeannot Szwarc, no qual interpretava um escritor de teatro, e "Vestígios do Dia" (1993), de James Ivory, no qual vive um aristocrata britânico.
Reeve tinha dois filhos -Matthew, 25, e Alexandra, 21- de um relacionamento com a modelo Gae Exton, que ele conheceu durante as filmagens de "Superman", e um terceiro filho -Will, de 12 anos- com sua atual mulher, a atriz Dana Morosini, com quem se casou em 1992.
Reeve sofreu um grave acidente em maio de 1995, quando caiu de um cavalo e quebrou duas vértebras, ficando completamente imóvel do pescoço para baixo. Passou por longas terapias para conseguir respirar com menos ajuda de aparelhos e se tornou um ativista pelos direitos dos deficientes, criando inclusive a Fundação Christopher Reeve para a Paralisia, em 1999.
Em 2000, o ator conseguiu mover o dedo indicador e fez um trabalho especializado de musculação, que deixou suas pernas e braços mais fortes. Ele também voltou a ter sensibilidade em outras partes de seu corpo, determinando-se a voltar a andar.
"Eu me recuso a permitir que uma deficiência determine meu modo de vida. Não quero ser inconseqüente, mas estabelecer um objetivo que parece um pouco amedrontador é muito útil para a recuperação", disse à época.
O acidente fez de Reeve um ator limitado, mas este limite físico o fez servir involuntariamente e de modo perfeito para o papel de Jason Kemp, no remake moderno para a TV (1998) de "Janela Indiscreta", de Hitchcock, considerado um dos principais filmes da história do cinema. No filme de Hitchcock, Kemp é o sujeito paralisado que, impossibilitado de andar, fica bisbilhotando a vida alheia da janela de seu apartamento.
O dr. Raymond Onders, que em uma cirurgia inovadora implantou eletrodos no diafragma do ator para ajudá-lo a respirar, disse que Reeve tinha "muita compaixão". "Apesar de lutar contra sua própria deficiência, ainda ajudou pacientes em todo o mundo com o mesmo tipo de problema."
Reeves teve uma memorável aparição na cerimônia do Oscar em 1996, quando surgiu de surpresa em uma cadeira de rodas, suportado por um respirador artificial, menos de um ano após seu acidente. Depois de uma interminável sessão de aplausos, Reeve levou o público às lágrimas em um discurso pedindo a Hollywood menos blockbusters vazios e mais filmes com causas sociais, do tipo "Platoon" (contra a guerra) e "Filadélfia" (Aids).
Depois do acidente Reeve fez campanha pela pesquisa com células-tronco e a possibilidade de uso destas para recuperar as células danificadas em casos como o seu. Seu lobby ajudou o tema a se destacar na campanha presidencial dos EUA deste ano, o que levou o candidato democrata John Kerry a mencionar seu nome em uma debate entre ele e George Bush, durante a campanha presidencial.
O ator também era ativista da Unicef, da Anistia Internacional e da ecologia. Junto com os também atores Susan Sarandon e Alec Baldwin, fundou ainda a Coalizão Criativa, um grupo de ajuda a pessoas sem casa.
Uma de suas últimas participações foi no seriado de televisão "Smallville", que conta as aventuras do adolescente Clark Kent antes de se tornar o Super-Homem.
Escreveu a biografia "Ainda Sou Eu - Memórias", recém-lançada no Brasil, cuja transcrição a disco lhe valeu o Grammy de melhor álbum falado de 1999. Em 2002, publicou "Nothing Is Impossible: Reflections of a New Life" (Nada É Impossível: Reflexões de uma Vida Nova).
No dia 11 de outubro de 2004, devido a uma parada cardíaca, Reeve morreu aos 52 anos no hospital Northern Westchester, de Nova York (EUA). Ele havia entrado em três dias antes, quando sofreu um ataque cardíaco durante o tratamento de uma ferida infectada.



fonte:http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_926.html



HOTARU NO HAKA - CEMITÉRIO DE VAGALUMES

Hotaru no haka (Japonês: 火垂るの墓) , o filme relata a história de dois irmãos, Seita e Setsuko, no período da Segunda Guerra Mundial no Japão. O pai deles é convocado a defender o país na guerra, pois faz parte da marinha japonesa, e a mãe falece em um bombardeio de aviões norte-americanos. A partir daí, o filme mostra a luta pela sobrevivência das duas crianças, em meio à pobreza e miséria que assola o país. Fome, doenças e a falta de generosidade e sensibilidade dos adultos faz deste percurso um dos filmes mais bonitos e comoventes sobre o trágico quadro gerado pela guerra.

  • Título: Hotaru no haka / Grave of the Fireflies
  • Ano: 1988
  • Realizador: Isao Takahata
  • País: Japão
  • Duração: 93 min
  • Género: drama, guerra
  • Estúdio: Studio Ghibli.



Don´t pay the ferryman

Quando uma canção é boa, ela é boa ;  veja o caso dessa canção do cantor pop irlandês nascido na argentina Chris de Burgh (sim ele mesmo da balada-mega-power-melosa-romântica Lady in red).
''Don´t pay the ferryman''é uma canção belíssima e com temática remetendo à mitologia grega, mais precisamente ao barqueiro Caronte ( aquela figura mitológica do mundo inferior grego que transportava os recém-mortos na sua barca através do Aqueronte.
Era costume grego colocar uma moeda, chamada óbolo, sob a língua do cadáver, para pagar Caronte pela viagem. Se a alma não pudesse pagar ficaria forçosamente na margem do Aqueronte para toda a eternidade, e os gregos temiam que pudesse regressar para perturbar os vivos.)
Entrei nesse assunto porque eu conhecia a canção por um outro estilo musical muito diferente, o poderoso power metal germânico da banda Dark at Dawn, achei interessante, porque eu nem imaginava que essa canção era de um cantor pop.
A canção foi coverizada pelo Dark at Dawn no album ''Baneful Skies''de 1999.
Confiram essa poderosa canção; a original e o cover com um refrão que gruda na cabeça e não sai mais :
''Don't pay the ferryman,
  Don't even fix a price,
  Don't pay the ferryman,
  Until he gets you to the other side;" \,,/


 

POPA CHUBBY

Popa Chubby é o padrinho do Blues da cidade de Nova Iorque ou como ele mesmo diz orgulhosamente: “The King of The New York City Blues”.
Nascido no Bronx, em 1960, com o nome de Ted Horowitz, Popa foi criado ouvindo Jazz e Rhytm’Blues com seus pais que tinham uma enorme coleção de LP’s e discos de 78 rotações. Com sete anos de idade Popa foi junto com seu pai ao Madison Square Garden assitir a um show de Chuck Berry, que se tornou seu primeiro ídolo.
No início dos anos 70 as rádios e as lojas de discos estavam repletas de material com muito Blues e Rock & Roll, como Johnny Winter, Jimi Hendrix, Led Zeppelin e Rolling Stones e era isso que Popa gostava de ouvir e comprar. Também gostava de ouvir Ottis Redding, Wilson Pickett, Marvin Gaye, Eric Clapton e Sly & The Family Stone.
Em 1977, com 17 anos, pegou pela primeira vez uma guitarra e começou a estudar e a tocar músicas de seus ídolos do passado.
No final dos anos 70 o Punk Rock chegou e Chubby foi contratado para ser guitarrista do artista Screaming Mad George em alguns shows, onde acabou conhecendo o pioneiro do punk Richard Hell que o levou para tocar em sua banda, os Voidoids.
Em meados dos anos 80 Popa tocava nas ruas de Nova Iorque e no Central Park quando conheceu o cantor e compositor irlandês Pierce Turner que havia recentemente fechado um contrato com a RCA para gravar o álbum “The Sky and The Ground”. Popa foi o guitarrista deste disco.
Em 1990 Popa lançou a sua própria banda que se apresentava numa casa de espetáculos chamada Many’s Car Wash, chegando a fazer 200 shows em um ano.
Em 1991 participou e venceu o Concurso de Talento Nacional de Blues da rádio KLON, de Long Beach, Califórnia e como prêmio, em 1992, inaugurou o Festival de Blues de Long Beach onde também tocaram James Brown e Chuck Berry. A partir daí criou um selo próprio, a Laughing Bear, e lançou dois cd’s “It’s Chubby Time” (1992) e “Gas Money” (1993) atraindo o interesse da Sony Music que através da marca Blues O-Keh, especialista em novos talentos, ofereceu um contrato para gravação de um disco. Junto com o produtor Tom Dowd (que já produziu entre outros, Aretha Franklin, Wilson Pickett e Ray Charles) saiu o cd “Booty and The Beast” (1995). Em seguida mais 03 discos foram lançados: “Hit The High Hard One” (1996), “One Million Broken Guitars” (1998) e “Brooklin Basement Blues” (1999).
No ano 2000 foi criada a Popa Chubby Productions que junto com a Blind Pig Records lança o cd “How’d a White Boy Get The Blues?” (2001) que o próprio Popa define como uma ópera de Blues-Rock:
“...cada canção é uma história e o álbum como um todo conta a história da luta diária pela vida, falando de saudade, paixão, tentação e felicidade. A felicidade que um jovem branco pode encontrar na sua guitarra.” Em seguida, ainda pela Blind Pig, são lançados “The Good, The Bad and The Chubby” (2002), “The Hungry Years” (2003), “Peace, Love and Respect” (2004) e “Big Man, Big Guitar, Popa Chubby Live” (2005).
Além disso ele tem um privilégio que é dado somente a grandes guitarristas: a Epiphone criou uma guitarra com sua assinatura, é uma Korina Flying V com pickups P90.
Popa Chubby é um excelente guitarrista, vocalista e compositor e suas músicas são inesquecíveis, pois trazem um Blues moderno, com letras do dia a dia das cidades, sempre com solos eletrizantes. Tenho certeza que vocês vão gostar!!!

 

SILVER HAWKS

Quem não se lembra desse desenho, um bando de fortões biônicos conhecidos como os Falcões de Prata???
SilverHawks foi uma série televisiva de animação desenvolvida por Rankin / Bass e distribuída por Lorimar-Telepictures em 1986. A animação foi produzida por Pacific Animation Corporation, o nome de trabalho de um coletivo de estúdios japoneses, incluindo Topcraft, um grupo que mais tarde viria a formar o Studio Ghibli. No total, 65 episódios foram feitos. Ele foi criado como um espaço vinculado equivalente de suas séries anteriores, ThunderCats.
Como foi o caso de ThunderCats, houve também uma SilverHawks série em quadrinhos posto para fora pelo então Marvel Comics logomarca Star Comics.
Atualmente, a Warner Bros (que comprou Lorimar em 1989) detém os direitos de Silverhawks.
Com o sucesso dos Thundercats a Rankin/Bass resolveu investir nas séries de super-heróis, então criou uma espécie de "ThunderCats do futuro" ao invés de felinos guerreiros, surgiram heróis biônicos e com asas de metal, os SilverHawks.
Os SilverHawks tinham inúmeros poderes como voar em asas de prata ou lutar com nervos de aço. Parte metal, parte de carne e osso, esses guerreiros sacrificavam seus corpos humanos, modificando-os para suportar as longas jornadas até a Galaxia de Limbo, para onde foram enviados para defender o Universo do Monstro Estelar e seu bando intergalático: Lagartão, Serrivel, Minotauro, Terremoto, Molecular, Trapaceiro, Da Pesada e a "Loucura Musical da Melodia".
No Brasil os Silver Hawks tiveram uma boa repercussão, quando estrearam no programa infantil Oradukapeta, em 1988. Depois, ainda no SBT, o desenho passou para as tardes do programa Show Maravilha, quando deixou de ser exibido na Tv aberta em 1988.
No Brasil os Silver Hawks tiveram uma boa repercussão, quando estrearam no programa infantil Oradukapeta, em 1988. Depois, ainda no SBT, o desenho passou para as tardes do programa Show Maravilha, quando deixou de ser exibido na Tv aberta em 1988.
Cabe aqui uma pequena lembrança deste desenho sensacional, que saudades, curtam aí : Falcaoooooo Biônicoooooooooo, hehe !!!!!!!!!!! sem falar na canção de abertura, SENSACIONALLLL !!!!!!!

Globalização ?????????

Estávamos eu e minha amiga blogueira ''Gusanita'' Faine, conversando sobre livros tal, e ela não se lembrava do título de um livro sobre um crime perfeito, que tinha uma estória de um pai que colocava a culpa nele próprio para que seu filho não fosse preso, enfim, não lembramos o título coisa nenhuma, ela deve estar tentando lembrar nesse momento creio eu, pois eu já desisti à muitos. 
Segundo ela  achava que era do Veríssimo, excelente escritor.
Enfim isso tudo não tem nada a ver com globalizaçao, é que eu estava lendo meus emails e achei um muito legal justamente do Luíz Fernando Veríssimo que me foi enviado, aí lembrei de como esse escritor é sensacional explicando certos assuntos..... confiram aí galera !!!!!!!!!



É a melhor definição que já vi e os professores nunca ensinaram...
QUE É GLOBALIZAÇÃO ? * 
 
SIMPLESMENTE  FANTÁSTICA A DEFINIÇÃO
.
 

Pergunta:
 
Qual é a mais correta definição de Globalização?


Resposta: A Morte da Princesa Diana..

Pergunta: Por quê?

Resposta: Uma princesa inglesa com um namorado egípcio, tem um acidente de carro dentro de um túnel francês, num carro alemão com motor holandês, conduzido por um belga, bêbado de whisky escocês, que era seguido por paparazzis italianos, em motos japonesas. A princesa foi tratada por um médico canadense, que usou medicamentos americanos. E isto é enviado a você por um brasileiro, usando tecnologia americana (Bill Gates) e provavelmente, você está lendo isso em um computador genérico que usa chips feitos emTaiwan e um monitor coreano montado por trabalhadores de Bangladesh, numa fábrica de Singapura, transportado em caminhões conduzidos por indianos, roubados por indonésios, descarregados por pescadores sicilianos, reempacotados por mexicanos e, finalmente, vendido a você por chineses, através de uma conexão paraguaia
Isto é,

*GLOBALIZAÇÃO!!!*

Luiz Fernando Veríssimo.

Visitantes